Sentido falta de ser mais criativa? Saber quais são as suas prioridades te ajudam com o bloqueio criativo.

Nossa Editora, Rosa Zaborowsky por Etoiles

Nossa Editora, Rosa Zaborowsky por Etoiles

De vez em quando eu passo por períodos de um bloqueio criativo que pode durar dias. São aquelas semanas que milhares de coisinhas acontecem e de alguma forma roubam o lugar de prioridade daquilo que eu tinha definido como tal antes. Às vezes parece que eu não sei quais são as minhas prioridades, na verdade eu deixo aquelas vozes julgadoras que moram dentro da minha cabeça e ecoam infinitamente, determinarem quais devem ser as minhas prioridades. São palavras que um dia foram ditas pela minha mãe, pelo meu marido, por amigas ou por pessoas que tem um espaço especial na minha vida e que insistem em aparecer quando me encontro em uma situação de escolha. De alguma forma deixo essas pessoas tomarem as decisões por mim, já que mudo a minha agenda de acordo com o que elas acham que devo fazer.

SER VULNERÁVEL DE VEZ EM QUANDO

Semana passada depois de um jantar relativamente incômodo com amigas queridas, saí com algumas lições. Elas me chacoalharam e sem pedir licença soltaram suas opiniões sobre algumas questões bem particulares minhas que só amigas de anos poderiam identificar (e só elas possuem essa espécie de licença poética). Sigo ponderando e escolhendo o que quero guardar de tudo aquilo que ouvi - a magia das coisas está na vulnerabilidade, me deixei sentir várias coisas nos dias que se passaram e agora consigo enxergar de forma mais crítica e prática do que preciso fazer para seguir adiante.

O resultado disso é um bloqueio criativo que durou uma semana. Claro, outras questões atropelaram minha semana, mas aproveitei esse período para pensar. E tentar descobrir como sair disso. Eu tenho uma espécie de um falso autocontrole sobre tomar atitudes. Por exemplo, ontem foi aniversário do Benjamin e precisa comprar pratinhos para o bolo da escola. Segunda-feira a noite passei no supermercado antes de ir para casa e comprei. Isso pra mim foi uma conquista nível hard. Todas as outras vezes eu não teria vontade/saco/teria preguiça/arrumaria uma desculpa para não passar no supermercado segunda as 8h da noite e iria deixar para resolver na terça de manhã. Faria tudo correndo e de forma atrapalhada, o que me deixaria frustrada e irritada comigo mesma por não querer perder 10 minutos na segunda a noite.

DO WHAT YOU GOTTA DO

Fui percebendo que meu bloqueio não é só criativo, é sobre tomar atitudes. Só consigo cumprir as minhas metas quando faço aquilo que me propus a fazer, as tais prioridades, em todas as áreas da minha vida. Preciso estar com os pratos do aniversário do Ben comprados para ficar tranquila, riscar essa tarefa da minha agenda e passar para a próxima. Se não faço isso, não consigo passar para a próxima tarefa de forma plena e não faço nada direito, vira um acúmulo de tarefas não feitas e aí sim eu me perco nas minhas prioridades. Como vou saber o que preciso fazer primeiro se deixei todas as áreas da minha vida uma bagunça?

Me dei conta que para meu trabalho andar, meus filhos precisam estar saudáveis, quentinhos, de barriga cheia, felizes, recebendo atenção e carinho e tem dias que só eu vou poder oferecer isso a eles. Minha casa precisa estar fluindo e posso delegar muito mais do que eu imaginava, isso tem sido muito libertador. Posso usar minha rede de ajudantes, família inclusa no pacote, para muitas coisas. Mas também estou aprendendo a abrir mão da perfeição. Preciso ter menos coisas para ocupar a minha mente.

MEU MELHOR INSIGHT

Entendi finalmente que meu bloqueio criativo é fruto de uma mente inquieta, que tem mil planos mas não sabe por onde começar. Fiz um curso esta semana que está me ajudando a trabalhar as minhas prioridades (acompanhe o Lolla no Instagram para saber mais sobre o curso ainda esta semana), e a fazer escolhas que podem roubar 10 minutos do meu tempo hoje mas que vão me poupar de gastar outros 30 minutos amanhã e ainda dou para o meu cérebro uma gratificação instantânea ao riscar uma tarefa da minha to do list.