Slow bags

slow_bags_.png

Outro dia li um artigo que saiu na Forbes sobre tendência de compra de bolsas. O NPD Group (de pesquisas) divulgou um report que aponta que 1/3 das bolsas compradas nos Estados Unidos no último ano não tinham um super logo. Escolher uma bolsa está ficando mais individual, o parâmetro deixou de ser a girl gang e a imagem, a geração mais nova está mais segura em tomar uma decisão de compra de forma independente.

Acho isso incrível, já que adolescente normalmente faz qualquer coisa para fit in, e se de alguma forma o bacana agora é se apegar no indivíduo, que seja assim. As compras de designer bags com super logos nunca vão acabar, sempre vai ter uma parcela da população que precisa disso por posicionamento, imagem e para pertencer a um grupo ou fazer parte daquela marca e lifestyle. Mas a turma que se posiciona está em busca de marcas e estilo que se encaixem na sua personalidade. Acho que elas continuam querendo bolsas das mesmas marcas, mas com um approach a logomarca diferente.

As bolsas que usam o logo como parte da estampa são as que mais sofreram queda nas vendas, isso para marcas mais populares, como a Coach e Michael Kors. Mas é engraçado que vai totalmente ao contrário da Gucci por exemplo, que ganhou uma força enorme com a Dionysus bag, que é super logo mania - falei sobre isso aqui. 

Anyway, I am a big fan of bags. Quis muito a Dionysus, continuo amando ela, mas tenho certeza que iria me arrepender dessa compra em no máximo dois anos e to super feliz que desisti. No momento não paro de pensar em uma Bottega (quem me segue no Instagram me viu namorando uma outro dia), mas não defini o modelo ainda e confesso que US$2.000 em uma bolsa com o mundo em colapso me deixa um pouco incomodada. E também quero uma bolsinha mais cool de um marca não tão conhecida. So many options, so little money. Enquanto eu decido o que fazer, sigo namorando algumas opções. Para quem quer uma designer bag, de uma marca não tão conhecida, separei algumas opções que adoro!

slow_bags
  1. Loeffler Randall - sou fã dos sapatos da Loeffler e amo esse modelo de bolsa deles. A preta com  ferragens escuras é linda! Shop
  2. Anine Bing - Anine , a designer da marca é musa, já falei sobre ela nesse post sobre signature styles. Amo essa bolsa, a cor, o formato, as ferragens... mas acho tudo que ela faz uma fortuna. Ela se posiciona como super high end luxury, acho um pouco confuso. Mas isso não me impede de querer essa shoulder bag... I wish! Shop
  3. Mansur Gavriel - essa está na categoria das bolsas que deveria ter comprado quando a marca lançou. Sigo amando, mas já não tem aquele excitement todo sabe? Shop
  4. Cuyana - Adoro a proposta da marca. Acho que tem tudo a ver com o título desse post, Slow Bags. Elas apostam em quantidade, estilo e curadoria over uma vida de ansiedade. Shop here.
STYLERosa Zaborowsky