New to podcasts? A gente escolheu 4 pra você começar

podcasts.png
pardon-my-french_podcast_garance-dore_11.jpg

Acredito que tem gente que deve dedicar um momento de sua rotina somente para os podcasts. Mas eu vejo eles muito como otimizar estes “não-momentos”. Sabe aqueles momentos de pegar o carro para ir para um compromisso, está trânsito, e você está ouvindo pela milésima vez a nova música da Anitta ou aquela que o Spotify jura ser a música da sua vida? Então, que tal otimizá-la escutando uma boa dose de conteúdo? É assim que eu vejo os podcasts.

Em 2017, o universo dos Podcasts deixou de ser uma mídia de crescimento iminente para se estabelecer como uma mídia que veio para ficar. Se você ainda não conhece ou descobriu o seu favorito, não é tarde demais. E, o que é mais legal, são tantas opções que com certeza você descobrirá os seus favoritos rapidamente. Existe para todos os gostos, de comédia a psicologia. Vou compartilhar a lista dos meus atuais favoritos. Mas não deixem de me dizer qual o de vocês

[one-half-first]

images-4.jpeg

Pardon my french

Apresentado pela escritora, ilustradora, fotógrafa e fundadora do site atelierdore.com, e minha musa, temos o Pardon My French. Este podcast te faz sentir em uma roda de amigas, com uma taça de rosé nas mãos e uma linda luz de final de tarde entrando pela janela. São conversas que se não tivemos com nossas amigas, gostaríamos de ter tido.

Monocycle

Nossa hostess é Leandra Medine, aka, Man Repeller. Podcasts rápidos, curtos e, normalmente, monólogos sobre os mais diversos assuntos. Da tal síndrome do impostor a dificuldade para engravidar. Episódios rápidos que nos fazem perceber que as nossas nóias não são só nossas. Divertidos, fáceis e que despertam um enorme senso de empatia.

[/one-half-first] [one-half]

Oh Boy by Man Repeller

Também do site Man Repeller, mas desta vez o nosso hostess é, Jay Buim. Este podcast convida mulheres de negócios e do meio criativo para conversar sobre o mercado profissional e a sua vida em geral. Conversas gostosas que nos aproximam daqueles que às vezes parecem tão distantes. Em particular, adoro o episódio com a musa, Emily Weiss, fundadora do Into the Gloss e da marca de beleza, Glossier.

Código Aberto

Não poderia deixar de faltar um brasileiro na lista! Do site brainstorm9.com, temos o Código Aberto. O código aberto apresenta conversas com personalidades influentes do mercado de tecnologia, comunicação e mídias no Brasil. Muito interessante para entender mais de perto a cabeça de pessoas, que hoje, atuam em posições de poder em grandes empresas, como Heineken, Samsung e Itaú.

[/one-half]

 photos from atelierdore.com